Jovens são atraídos pela carreira de Consultor

consultores O desejo de desenvolver trabalhos mais amplos e de acompanhar todos os processos de um projeto de gestão de marca levou o publicitário Guilherme Faccio a dar um rumo diferente à sua carreira. Com apenas 25 anos o profissional atua como consultor de marcas. “Nas agências de publicidade, o trabalho tende a ser mais fragmentado, com equipes focadas em criação, redação, atendimento etc. Gosto de ter uma atuação mais ampla”, explica.

A decisão de se tornar consultor veio depois de alguns anos de trabalho em uma empresa de venda e aluguel de equipamentos de construção onde Faccio criou e desenvolveu uma área de gestão de marcas. “Quando decidi atuar como consultor, conversei com o gestor e a empresa se tornou meu primeiro cliente”, diz.

Há quase três anos oferecendo consultoria, Faccio afirma que um dos grandes desafios concorrer com agências grandes, além de mostrar o valor do trabalho, já que muito amadores apresentam propostas com custo muito baixo. “Também é importante manter uma boa rede de relacionamentos para saber das oportunidades e conquistar novos clientes”, afirma.

Jovens especialistas

De acordo com o palestrante e consultor Rubens Antonelli, a profissão tem atraído cada vez mais jovens. “As empresas perceberam que em algumas áreas de conhecimento específico não é necessário manter profissionais em tempo integral. Por isso recorrem ao consultor”, explica.

Antonelli afirma que o consultor deve saber vender seu conhecimento, com metodologias eficientes, para que possa ajudar a empresa a superar determinado desafio”, diz.

Áreas de atuação

Alguns segmentos oferecem mais oportunidades para profissionais que querem atuar com consultores:

Área financeira – mais voltado ao profissionais sênior, em que a experiência representa um grande diferencial.

Recuperação de empresas – demanda amplos conhecimentos de contabilidade e gestão.

Mercado de ações – muitos profissionais mais jovens atuam prestando consultoria para clubes de investimentos etc.

Comunicação – publicitários e jornalistas pode se envolver em projetos.

Áreas técnicas – algumas vezes projetos de engenharia demandam mão de obra especializada para realização de análises e cálculos. A área de tecnologia da informação também traz boas oportunidades para profissionais mais jovens e especializados em determinados sistemas.

Foi assim que Carla Caldeira, de 28 anos, se lançou como consultora. A profissional, que era analista de TI de uma empresa, percebeu que a carreira oferecia oportunidade de ganhos atraentes e flexibilidade para que ela pudesse selecionar melhor os projetos nos quais queria participar. “Gosto de mudanças, de conhecer culturas novas, ambientes diferentes e essa profissão é dinâmica.”

Atuando há 6 anos na área, Carla investiu em cursos e certificações para se especializar no sistema tecnológico com o qual trabalha. “Levei seis meses para entrar efetivamente na área, pois buscava uma capacitação diferenciada”, diz.

Perfil

Para atuar como consultor algumas características são importantes, de acordo com Antonelli:

– Organização pessoal – Excelente comunicação – Flexibilidade de comportamento – Capacidade de trabalhar em equipe – Conhecimento técnico atualizado – Capacidade de se relacionar nos diversos níveis da organização – Liderança – Conhecimento das melhores práticas e metodologias – Boa rede de relacionamentos.

Fonte: IG Carreiras

Anúncios

Tags:

About Desmonta&CIA

Somos um blog que busca informar aos apaixonados por tecnologia tudo sobre o mundo de TI.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: