Office 365 é boa alternativa para pequenas e médias empresas

Office 365 Não há motivos para duvidar que a solução da Microsoft seja um concorrente para o Google Docs.

A Microsoft anunciou, essa semana,a substituição do pacote de produtividade online por uma suíte consolidando toda a oferta de produtividade baseada na nuvem. Sob o nome de Office 365, ainda em versão beta (de testes), o produto não deverá estar pronto para ser posicionado de forma definitiva até meados de 2011 aqui no Brasil. Espera-se que assim que for lançado, ele seja a escolha ideal para pequenas e médias empresas em direção à nuvem.

Tudo indica que o Office 365, ao integrar a já popular suíte do Office Web Apps com outras soluções como o SharePoint, o Exchange e o Lync (novo nome do Office Communications Server) e disponibilizar todo o pacote na nuvem, a Microsoft esteja impondo o primeiro real desafio ao dominante Google e suas soluções de produtividade na nuvem, chamadas de Google Docs. Motivos para as empresas olharem com atenção para a oferta da MS não faltam. Seguem cinco deles:

1. Posicionamento

Disponibilizar um conjunto extenso de soluções para um grupo de usuários em servidores locais pode significar uma razoável dor de cabeça. Todos os produtos: SharePoint, Exchange e Lync demandam por hardware próprio. Esses servidores, por sua vez, consomem energia elétrica e demandam por alguma refrigeração além das tradicionais ventoinhas. O Office 365 vem com a missão de liberar as empresas desse investimento e preocupação.

2. Manutenção

Junto de servidores locais e da infraestrutura vêm mão de obra e conhecimento para manter o serviço rodando. Se as organizações optarem por contratr os serviços do Office 365, essa tarefa fica a cargo da MS. Atualização de software e de hardware deixarão de fazer parte da planilha dos gestores e, em seu lugar, entrarão atividades relacionadas ao negócio principal das empresas.

3. Disponibilidade

Certamente uma das desvantagens de ter atividades comerciais baseadas em processamento de dados é que elas demandam, de um momento para o outro, por disponibilidade e por performance sem avisar antes. O advento dos dispositivos móveis, como iPads e laptops, tornou essa necessidade mais do que evidente. Por ser baseado na nuvem, o Office 365 deverá estar acessível de qualquer lugar e a qualquer hora.

4. Custo

A suíte Office 2010 custa, na Amazon, algo em torno de 400 dólares. É certo afirmar que grandes empresas adquirem lotes desses softwares a preços mais acessíveis. Infelizmente, essa não é a realidade experimentada por pequenos e médios empresários.

Em um cálculo rápido, o custo de adesão por usuário fica em torno de seis dólares por usuário ao ano. Equivale à compra do Office 2010 dividido 66 parcelas. Não participam dessa conta os investimentos com servidor e outros.

5. Produtividade

Afirmar que a Google e suas soluções na nuvem oferecem todos os itens acima está correto. Os produtos dela têm preço competitivo, dispensam manutenção local e têm médias de disponibilidade boas. Onde não tem condições de competir é na intimidade que existe entre as pessoas e os produtos da família Office.

Se as companhias optarem por migrar de forma integral para a plataforma Google, isso não chega a ser um problema. Mas se houver interfaces comuns com fornecedores e outros parceiros, os benefícios da solução Google precisam ser postos na balança e comparados à capacidade da solução do Google em emular o ambiente do MS Office.

Fonte: Microsoft

Anúncios

Tags:

About Desmonta&CIA

Somos um blog que busca informar aos apaixonados por tecnologia tudo sobre o mundo de TI.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: