Telefonia pela Internet

VoIPO uso da internet para comunicações de voz vem crescendo muito e se tornando uma opção muito econômica em relação à telefonia convencional, principalmente nas chamadas interurbanas.

Essa nova tecnologia de telefonia via internet, também conhecida como VoIP (Voz sobre IP) tem sido cada vez mais utilizada dentro das redes de comunicação das empresas. Entretanto, um dos problemas ainda é conciliar a estrutura da telefonia convencional existente com a nova tecnologia de voz, o que significa gastos adicionais para muitas corporações.

Telefonia Convencional
O sistema telefônico mais utilizado nos dias de hoje para estabelecer a comunicação de voz entre dois pontos ainda é o sistema público. Para que se ocorra uma comunicação telefônica, é necessário o estabelecimento de um circuito entre um assinante A (emissor) e um assinante B (receptor).

Essa comunicação telefônica, também conhecida como convencional, é representada pela Rede de Telefonia Pública Comutada (RTPC). Trata-se do serviço de telecomunicações que, por meio de transmissão de voz e de outros sinais, destina-se à comunicação entre pontos fixos determinados, utilizando os processos de telefonia.

VoIP

Figura 1 – Estrutura da rede de telefonia fixa convencional

VoIP
VoIP é um conjunto de tecnologias que utiliza a Internet ou as redes IP privadas para a comunicação de voz, substituindo ou complementando os sistemas de telefonia convencionais. Consiste no uso das redes de dados que utilizam o conjunto de protocolos das redes IP para a transmissão de sinais de voz em tempo real na forma de pacotes de dados.

Os termos Telefonia IP, Telefonia Internet ou ainda Voz sobre IP, têm se aplicados à utilização das redes baseadas no protocolo IP, na camada de rede (modelo RM-OSI) para transporte de voz, em especial, através da internet.

VoIP

Figura 2 – Modelo de VoIP

Telefonia IP
A telefonia IP é uma modalidade de VoIP, onde o serviço fornecido apresenta qualidade e funcionalidades no mínimo equivalentes aos serviços telefônicos convencionais. O usuário utiliza um telefone IP ou um adaptador IP para um telefone convencional e uma conexão IP de banda larga para se conectar a rede de telefonia IP. Adicionalmente pode acessar o serviço utilizando um computador com um programa especial para esse fim.

No sistema de telefonia IP, os terminais são inteligentes, seu endereçamento independe de sua localização geográfica e o processamento e a realização das chamadas ocorrem em vários equipamentos que podem estar localizados em qualquer parte da rede.

Historicamente a telefonia IP surgiu como uma solução para que as redes de dados existentes pudessem ser empregadas para o tráfego de voz em tempo real. O termo "telefonia IP" representa, justamente, a transmissão de áudio em tempo real nas redes de comunicação de dados. Com essa técnica, o custo de uma ligação telefônica poderia ser diminuído e, além disso, outras funcionalidades poderiam ser agregadas, uma vez que se trabalharia em uma rede amplamente distribuída e com uma tecnologia já bastante conhecida.

O princípio da comunicação da tecnologia IP é basicamente o mesmo da telefonia pública convencional, com algumas diferenças importantes. Por exemplo, na telefonia convencional as centrais telefônicas são hierárquicas e inteligentes. Já na telefonia IP, não há centrais, portanto não há hierarquia e os roteamentos são especializados. Neste caso, para realizar uma chamada, são necessários protocolos de controle e sinalização para executar algumas tarefas como localização do usuário, notificação de chamada, início de transmissão de voz, finalização de transmissão de voz e desconexão.

Um outro detalhe importante é que na telefonia IP a voz é digitalizada e transmitida por pacotes de dados usando o protocolo IP dentro de uma rede que em geral é uma rede privativa ou uma rede onde há garantia do serviço oferecido, isto é, não existem atrasos que comprometam a qualidade da voz transmitida.

VoIP

Figura 3 – Estrutura para telefonia IP

 

Telefonia pela Internet
Por este termo nos referimos simplesmente à possibilidade de comunicação entre um computador e um terminal telefônico convencional.

Para que esta comunicação ocorra é necessário que, de um lado, exista uma conexão pela Internet, através de um computador com um programa que permita esse tipo de conexão ou um outro dispositivo com condições de conectar-se à Internet e realizar a transmissão de dados que conterá a informação da voz. Do outro lado, basta que exista uma central e um telefone convencional.

Convém salientar que, como a voz é digitalizada e transmitida pela Internet como pacotes de dados usando o protocolo IP, neste caso não há garantia de serviço, isto é, dependendo do tráfego na região da Internet em que está havendo a transmissão, podem ocorrer atrasos, o que afeta a qualidade da transmissão.

VoIP

Figura 4 – Telefonia pela Internet

 

Como funciona
Em um telefone analógico convencional, a voz é transformada em um sinal elétrico que viaja pela rede de telefonia pública. No caso da telefonia pela Internet, o sinal analógico da voz é digitalizado e transformado em pequenos pacotes de dados. A voz digitalizada é então enviada através de uma central preparada para tal (um PABX, por exemplo) e segue pela rede (Internet) utilizando o protocolo IP, o mesmo protocolo usado para enviar um correio eletrônico (e-mail). Por esse motivo é muito comum chamarmos de VoIP (Voz Sobre IP) a telefonia pela Internet. No destino, esse sinal é novamente convertido para a forma analógica por outra central telefônica (outro PABX, por exemplo) para que possa ser reproduzido por um aparelho telefônico convencional. Ou seja, do lado do emissor (quem realiza a chamada), o programa utilizado para a comunicação via Internet transforma o telefone do usuário em uma porta de enlace com um gateway de voz digital (um roteador, por exemplo). No extremo oposto (receptor), outra porta de enlace com um gateway transforma o sinal digital em um sinal de telefonia convencional que chega até o usuário de destino.

Falando na Internet
Para falar através da Internet existem algumas alternativas, dentre elas podemos destacar:

  • Um computador para outro utilizando exclusivamente a Internet;
  • Um computador para um terminal telefônico capaz de realizar a comunicação via IP (terminal VoIP) e um equipamento com capacidade de desempenhar as funções de um gateway, com as funcionalidades requeridas por um telefone convencional.

A tabela seguinte apresenta um resumo dos tipos de comunicação e suas características principais:

VoIP

As primeiras aplicações corporativas de telefonia IP via Internet foram feitas interligando as centrais telefônicas de empresas dispersas geograficamente e dessa forma barateando os custos de ligações de longa distância.

É interessante observar que uma solução simplificada de telefonia IP, que apenas implemente um ganho em relação à telefonia convencional, reduzindo o custo das ligações entre filiais de uma empresa poderá ser uma boa solução. O mais comum, entretanto, é uma necessidade heterogênea, onde grupos de usuários em diversos pontos da rede irão necessitar de equipamentos com grau maior ou menor de sofisticação e com maior ou menor exigência de garantia e qualidade de serviços (QoS). Dessa forma, um equipamento para telefonia IP não deve somente propiciar uma integração com a rede IP, mas também deve oferecer um conjunto de aplicações voltadas para o usuário que permitam uma integração perfeita das aplicações (e-mail, correio de voz, telefones celulares, equipamentos wireless existentes, telefone tradicional, etc) e todo o conjunto de aplicações de redirecionamento, gerenciamento, roteamento e controle de mensagens de voz e dados.

Conclusão
Convergência, telefonia IP, VoIP, são termos os quais nos habituamos a ouvir com muita freqüência ultimamente. A difusão das redes de computadores baseadas em IP e a crescente popularização das novas tecnologias de redes de acesso (ADSL, fibra óptica, etc), tem ajudado a impulsionar o interesse em soluções de telefonia que empregam o protocolo IP, tanto na rede pública como nas redes privadas.

É inegável que as comunicações de voz baseadas na tecnologia IP vêm se tornando uma alternativa cada vez mais viável à substituição dos modelos de telefonia convencional em função do desenvolvimento de novas tecnologias que permitem dar suporte à transmissão de áudio em tempo real. Nesse aspecto, as tecnologias de voz baseadas no protocolo IP devem ser vistas como meio e não como fim para os serviços de telefonia.

Fonte: José Maurício Santos Pinheiro

Tags:,

About Desmonta&CIA

Somos um blog que busca informar aos apaixonados por tecnologia tudo sobre o mundo de TI.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: